Desafio criativo: 30 dias 30 narrativas #4

Dia #4


Era um domingo comum, amanheceu com sol, sempre faz sol por aqui, mesmo sendo outono. Poderia ser mais um domingo, mas este seria um pouco diferente. Por mais que estes encontros se repetissem, com pouca frequência, é verdade, eles nunca são monótonos, desagradáveis ou qualquer coisa assim. Só de olhar, já se vê amor. 

Uma das saudades da infância se preenche neste momento, não são todos, mas quase todos e isso enche o coração, ou quase enche. Tem vazios que ficam pra sempre, às vezes já não incomodam tanto, mas ainda são vazios. 

Com todos juntos é possível ser eu mesma, com pessoas que amo mesmo, de pé descalço na terra, de estômago cheio, risadas, conversas e lembranças. Um dia agradável, um dia de amor.

Na despedida, um abraço com palavras que alegram a alma. É impossível descrever a sensação daquele abraço forte na medida, carinhoso sem medida. 
***

ps.: Para entender o porquê deste desafio criativo, clica aqui. Agora, se você não quer entender nada e, sim, ler os textos, clique aqui.
Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger